Resenha - Los Angeles


Maggie sempre foi uma anjinha, a cria mais certinha da complicada (e engraçadíssima) família Walsh... até se cansar de andar na linha e mandar todas as regras que a prendiam a um dia-a-dia em sal (e muito menos açúcar) às favas - a começar pelo casamento (que, para o bem da verdade, nunca havia realmente engrenado) e o trabalho bitolante numa firma de advocacia. Ao largar essa vida em preto e branco no passado, Maggie decide se mandar para o lugar onde a realidade promete ser em Technicolor: Hollywood, claro!

Resenha

Eu nunca tinha lido nenhum livro desta autora, e amei o livro, ele é super divertido, muito engraçado e tem uma historia muito gostosa de se ler, Maggie sempre foi a certinha da familia, casou-se com seu primeiro namorado e tinha um emprego em uma firma de advogacia, porém ela decide mandar tudo aquilo pro ar, ja que nem o emprego e nem o casamento eram tão satisfatorios assim, e ela achava que não tinha nada melhor pra viver, porem um dia ela "acorda" e manda tudo literalmente pro ar kk

E depois de maggie largar tudo, ela vai para a casa dos pais, que não compreendem porque ela tomou tal decisão de separar, ela não conta que estava desconfiada do marido ter uma amante e diz que apenas cansou de tudo aquilo. Sua mãe vivia falando que era uma situação passageira e que tudo iria voltar ao normal com o tempo (engano dela rsrs)

Quando maggie vai para a casa dos pais, a gente morre de rir, a família é muito engraçada, principalmente as irmas de maggie, (um dia eu estava lendo o livro de noite e tive que me segurar para não gritar de tanto rir e acordar todo mundo da casa kkk) enfim, o livro é muito divertido e tem uma linguagem muito legal.

Pontos positivos do livro e da historia: 1 - bastante humor e escrita que não enjoa de ler. 2 - o livro é grosso e mesmo assim a leitura passa rapidamente...

Pontos negativos do livro e da historia : 1- a maggie as vezes agia como uma idiota! 2 - letra muito pequena! 3 - folha do livro branca! , kk, eu sei , eu sei, o que tem a folha ser branca ? eu não sei, apenas prefiro as folhas amarelas, elas tem um cheirinho mais gostoso kkkkk 4 - as protagonistas falando mau de homens, eu sei que este gênero é impossível não falar mau dos homens, afinal são um bando de mulheres que fazem a historia e elas dizem cada coisa dos homens kk !!!

Maggie depois decide ir para Los Angeles, e la acompanhamos ela em sua nova vida, cheia de aventuras, duvidas e novas paixões...

Considerações Finais : O final me surpreendeu bastante, e eu simplesmente amei o final que o livro teve kk, foi muito lindo :)

As Estrelas estão sempre lá, mesmo durante o dia. Nós é que nem sempre conseguimos vê-las.


Esta é uma Resenha do Desafio "Fuxicando Sobre Chick-Lits"




7 comentários:

  1. Pela capa eu imaginava que o livro fofo bobo e chato de se ler.
    Mais só de ler sua resenha, já começei a rir e estou com muita vontade de ler ele.
    Gosto de livros assim, que tenham uma história boa e leve de se ler.
    Bjos....

    ResponderExcluir
  2. Aione Simões Sérgio31 de janeiro de 2013 21:07

    Oi Gustavo!
    Vou ler esse livro em agosto! Fico feliz que sua primeira experiência com um livro da Marian tenha sido positiva, a narrativa dela é uma delícia mesmo!
    Hahaha pois é, a chance de você encontrar pelo menos uma passagem com as personagens falando mal dos homens é grande. Mas pense assim: muitas vezes isso só reflete uma má experiência que elas tiveram, não uma verdade absoluta ;)
    Beijão!

    ResponderExcluir
  3. com certeza, concordo com suas palavras sobre as experiencias delas kk, obrigado por comentar, bjooo

    ResponderExcluir
  4. ele é muito leve e muito legal de ler, eu adorei kk, bjooo Dany...

    ResponderExcluir
  5. me incomoda as folhas serem brancas tbm, fui perceber um tempo depois que a grande maioria dos meus livros as folhas sao amareladas
    poxa eu tenho 3 livros da autora aqui em casa e ainda nao li
    xp parece ser engraçado o livro.

    ResponderExcluir
  6. eu quero ler todos os livros da autora kk, adorei o livro ... e sobre as folhas, eu prefiro as folhas amarelas....

    ResponderExcluir
  7. Eu já li Melancia da autora e gostei bastante.
    Hoje quase comprei esse livro em uma promoção do Submarino, mas acabei optando por outro livro, agora até arrependi rs. Gostei da resenha, parece ser interessante e divertido.
    Concordo com você não gosto de folhas brancas também, acho ruim.
    Parabéns pela resenha!

    ResponderExcluir

Obrigado pela visita! Não deixe de Comentar :)

 renata massa